Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

riscos_e_rabiscos

.

.

Aventura Rocambolesca!

 

Sempre que vou para o meu colégio “mais velho” apanho sempre o bus das 14.25m. Assim como eu, a maioria das pessoas que aí embarcam são habitués. É como uma grande família que ali entra aquela hora mas onde ninguém diz nada a ninguém. Todos se conhecem mas ninguém se fala…

 

Um dia destes chovia a cântaros e há uma velhota que entra no bus. Vinha carregada com um carrinho de compras e com o chapéu-de-chuva aberto. Tal como estava, assim entrou. Mesmo que digam que chapéus-de-chuva abertos em casa dão azar… Suponho que esta superstição também se deve aplicar a camionetas.

 

Mais à frente entra um velhote, que é daqueles velhotes empregados pelas Câmaras Municipais para ajudar as crianças a atravessar as ruas quando saem das escolas, que tem um ar plácido e meigo e que se senta sempre no mesmo lugar.

 

Quis o destino que a velhota do chapéu-de-chuva e o velhote saíssem na mesma paragem. Mas enquanto a velhota saia pela porta da frente, o velhote descia pela porta de trás. Até aqui tudo bem.

O pior é que a velhota nunca fechou o chapéu-de-chuva e ao sair com toda a sua traquitana, ficou entalada na porta.

 

Perante os “ai, ai, ai” da velhota, o motorista todo aflito e atrapalhado, fecha as portas para desentalar a velhota. E é aqui que a coisa se dá. Para desentalar a velhota, entalou o velhote!!!

Quando finalmente sintoniza as portas e os desentalanços, o velhote sai da camioneta e solta um valente “C….lho!” e ainda se vira para o motorista e diz “você está bêbado ou quê?!”

 

O meu queixo caiu ao chão pois nunca imaginei que o velhote proferisse uma obscenidade destas… É que ele tem um ar tão angelical! De início ficou tudo estupefacto e sem reacção mas após o choque inicial, caiu tudo numa risota à socapa! Eheheheh!